Buscar

Qual a importância da divisão de circuitos na sua instalação?

Atualizado: Ago 12

A frase “dividir para conquistar”, tem como aplicação principal, ganhar o controle de um lugar através da fragmentação das maiores concentrações de poder. Fazendo analogia a uma instalação elétrica, necessitamos dividir em circuitos elétricos para que tenhamos um maior controle do uso dos equipamentos em nossas residências, comércios, entre outros. Uma instalação devidamente projetada, garante uma segurança nas instalações elétricas e faz com que não haja um desperdício de energia elétrica.


Os circuitos de instalações elétricas são compostos pelo quadro de distribuição, onde tem o papel fundamental de organizar e comportar todos os dispositivos de proteção. Os condutores fazem o papel de transportar a energia que alimenta diversos equipamentos, sendo eles os condutores fase (o condutor de força), o neutro e o proteção.



A norma que estabelece essa divisão de circuitos é a NBR 5410, que se refere a instalações elétricas de baixa tensão, informa que os circuitos devem ser individualizados pela função dos equipamentos de utilização que alimentam. Em particular, devem ser previstos circuitos terminais distintos para pontos de iluminação e para pontos de tomada.


Uma outra observação da norma sobre os pontos de tomadas previstos é que deve-se ter cuidado ao alimentar equipamentos com corrente nominal superior a 10 A, pois a partir disso, é necessário um circuito independente.


Para os locais onde têm alimentação trifásica, atenta-se no balanceamento das fases, pois as características e fenômenos suscetíveis de gerar perturbações ou comprometer o desempenho satisfatório da instalação pode ser justamente a má distribuição das fases, fazendo com que por exemplo, haja o desarme dos disjuntores.


A divisão da instalação em circuitos deve ser de modo a atender, entre outras, às seguintes exigências:

• Segurança: Evitando que a falha em um circuito prive de alimentação toda uma área;

• Conservação de energia: Possibilitando que cargas de iluminação e/ou de climatização sejam acionadas na justa medida das necessidades;

• Funcionais: Viabilizando a criação de diferentes ambientes, como os necessários em auditórios, salas de reuniões, espaços de demonstração, recintos de lazer, etc.

• De produção: Minimizando as paralisações resultantes de uma ocorrência.

• De manutenção: Facilitando ou possibilitando ações de inspeção e de reparo.


Podemos perceber que, pela Norma Brasileira de Instalações Elétricas de Baixa Tensão, temos que estabelecer a divisão da instalação em circuitos elétricos distintos para que tenhamos uma segurança, conservação de energia, funcionalidade em caso da necessidade de uma alteração futura na edificação, produção evitando quedas de energia e manutenção facilitando um futuro reparo. Ou seja, é necessária a divisão de uma instalação em circuitos para a segurança do local e principalmente para salvar vidas, portanto, é fundamental para uma prevenção da rede elétrica como um todo, isto porque quando separamos a instalação em circuitos, facilitamos uma futura alteração na residência ou uma simples manutenção na mesma.


Em instalações elétricas, situações onde se tem o uso de muitos equipamentos em um único circuito ou há má divisão e/ou dimensionamento dos circuitos elétricos, temos que dividir as cargas de toda a instalação de forma bem distribuída em circuitos separados e bem distribuídos. Dessa forma, evitamos problemas de sobrecarga ou queda de tensão, pois não desejamos para uma simples manutenção termos que desligar toda a instalação ou que haja a ocorrência de desligamento da instalação como um todo em horários inoportunos. Além disso, devemos dividir a instalação para prevenir possíveis focos de incêndios ou curtos circuitos.



Quando dividimos a instalação elétrica, consequentemente a corrente elétrica nominal que circularam por esse circuito será menor, sendo assim proporciona condutores mais baratos, e até dispositivos de proteção de menor seção e capacidade nominal, garantindo assim uma instalação mais segura e com menos desperdício de energia elétrica e como consequência, livre de queda de tensão.


Para saber mais entre em contato conosco:


E-mail: energizejr@gmail.com

Telefone/WhatsApp: (74) 8841- 2577


Autor(a): Bruno de Moura Pinheiro

  • Facebook
  • Instagram
  • whatsapp

Energize Jr.
©2019 Todos os direitos reservados.